Passar para o Conteúdo Principal
Português|English
a vida de movimento

Notícias do Metro do Porto

Andante cresce 33% com os novos títulos "PART"

20 Setembro 2019

Andante cresce 33% com os novos títulos "PART"

Noticia 660x260 1 980 2500
  • Transportes Públicos do Porto com mais de um 1 milhão de assinaturas em seis meses

  • Novos clientes do sistema são mais de 42 mil – passe Metropolitano é o preferido

 

Há mais 275 mil assinaturas nos transportes públicos do Porto desde a entrada em vigor do “PART”, o que representa um crescimento de 33 por cento. O programa de apoio à redução tarifária, que arrancou em abril, trouxe ainda 42 mil novos clientes ao sistema Andante.

O PART – Programa de Apoio à Redução Tarifária, promovido pelo Ministério do Ambiente e disponível desde o dia 1 de abril, trouxe a todos os cidadãos da Área Metropolitana a possibilidade de passar a viajar em toda a rede Andante por 40 euros mensais (ou menos, caso se some algum tipo de desconto) ou em três zonas por um máximo de 30 euros por mês.

Os dados recolhidos pelo TIP – Transportes Intermodais do Porto, agrupamento de empresas constituído pela Metro do Porto, pela STCP e pela CP, que tem a responsabilidade de gerir todo o Sistema Intermodal de Bilhética, o Andante, apontam para um forte crescimento das vendas nos primeiros seis meses de comercialização dos novos títulos.

Os carregamentos 3Z (3 zonas), Municipal e Metropolitana efetuados entre abril e setembro somam um total 1.121.993 assinaturas, que se traduz num aumento de 33 por cento face às 846 mil carregadas em 2018.

A principal fatia dos mais de 1,1 milhão de carregamentos corresponde ao Metropolitano, com 52 por cento do total, sendo que o 3Z vale 46 por cento. Ao passe Municipal correspondem 2 por cento desses carregamentos.

Em termos de pontos de carregamento, bem mais de um terço das operações foram realizadas em meios automáticos – 36 por cento nas máquinas de venda Andante instaladas nas estações do Metro e da CP -, outros 36 por cento dizem respeito à rede Payshop, sendo os restantes 29 por cento relativos a operações nas lojas Andante.

Paralelamente, regista-se uma transferência direta de clientes – mais de 56 mil - que antes tinham assinaturas Z2 e Z3 para o passe Metropolitano. Por outro lado, os novos clientes de assinatura mensal são mais de 42 mil (42.536).

A adesão dos cidadãos da Área Metropolitana do Porto aos novos títulos Metropolitano, 3Z e Municipal promete não ficar por aqui. Na verdade, analisando apenas os dados do mês de setembro, verifica-se um crescimento no número de assinaturas vendidas de uns impressionantes 41 por cento.